gototopgototop
Nova pagina 3

 

forex trading logo


... Enquete

O que você mais acessa no Portal Dystacks?
 
Home Saúde
Os fatos não deixam de existir só por serem ignorados. (J. Sádaba)

Saúde
Durma bem: conheça as plantas que todos deviam ter no quarto PDF Imprimir E-mail
Publicado por: : Rosiane Souza   
Sex, 09 de Setembro de 2016 09:00

Ter uma boa noite de sono é essencial para todos nós. Se você toma um banho relaxante, se deita confortavelmente e, ainda assim, fica se revirando na cama durante boas horas, é necessário tomar algumas medidas para acabar com este problema. A insônia caracteriza-se pela dificuldade de iniciar ou manter o sono, podendo drenar toda a nossa energia, humor e produtividade, afetando a nossa vida pessoal e profissional. Se você está procurando uma solução natural para acabar com este problema, saiba que existem algumas plantas que todos deviam ter no quarto, pois nos ajudam a dormir mais e melhor. Causas da insônia Geralmente, os vários tipos de insônia são resultantes de diversas razões, tais como fatores físicos, mentais, biológicos, psicológicos e sociais, além de predisposição genética.

Beleza Dicas domésticas Dieta Culinária Saúde Chás Plantas Sucos Frutas Vegetais Sementes Página inicial » Doenças » Durma bem: conheça as plantas que todos deviam ter no quarto Durma bem: conheça as plantas que todos deviam ter no quarto FacebookTwitterGoogle+WhatsAppCompartilhar Por Débora Silva Ter uma boa noite de sono é essencial para todos nós. Se você toma um banho relaxante, se deita confortavelmente e, ainda assim, fica se revirando na cama durante boas horas, é necessário tomar algumas medidas para acabar com este problema. A insônia caracteriza-se pela dificuldade de iniciar ou manter o sono, podendo drenar toda a nossa energia, humor e produtividade, afetando a nossa vida pessoal e profissional. Se você está procurando uma solução natural para acabar com este problema, saiba que existem algumas plantas que todos deviam ter no quarto, pois nos ajudam a dormir mais e melhor. Causas da insônia Geralmente, os vários tipos de insônia são resultantes de diversas razões, tais como fatores físicos, mentais, biológicos, psicológicos e sociais, além de predisposição genética. Este problema também pode ser agravado por condições como a depressão, ansiedade, distúrbios metabólicos hormonais, fibromialgia e dores crônicas. A quantidade ideal de horas de sono por noite varia, entretanto, a maioria dos indivíduos sente-se satisfeita após dormir por 7 ou 8 horas. Se não for devidamente tratado, o problema da insônia crônica pode trazer sérias consequências ao indivíduo, incluindo depressão, ansiedade, irritabilidade, distúrbios da memória e concentração, baixo rendimento profissional e outros. As plantas que ajudam a dormir melhor Além de decorar e trazer mais vida e beleza à nossa casa, as plantinhas também podem nos ajudar a ter um sono tranquilo. Talvez você já tenha ouvido falar que ter plantas no quarto faz mal, não é? Porém, não é bem assim. Algumas plantas purificam o ar e aumentam os níveis de oxigênio, favorecendo a nossa respiração e o nosso sono. Basta uma ou duas plantinhas dentro do ambiente para que o organismo aproveite os seus benefícios.

 

Veja quais são as plantas que todos deviam ter no quarto:


Bambu Palmeira

http://www.remedio-caseiro.com/wp-content/uploads/2016/09/durma-bem-conheca-as-plantas-que-todos-deviam-ter-no-quarto-palmeira.jpg

Foto: Pixabay A bambu palmeira age como umidificador natural e é indicada para quem sofre com problemas respiratórios. Esta plantinha gosta de luz solar direta e umidade.

 
Entenda porque o gelato é mais saudável que sorvete PDF Imprimir E-mail
Publicado por: : Rosiane Souza   
Seg, 05 de Setembro de 2016 10:09

O que no Brasil chamamos de sobremesa, na Itália pode ser utilizado como café-da-manhã sem desperdiçar a importância desta refeição do dia. Tanto o sorvete como o gelato são assuntos sérios para os italianos, é tanto que existem até universidades que formam especialistas nestes doces, como é o caso da Carpigiani Gelato University. Porém, quem já provou do gelato sabe que este produto é bem diferente do sorvete convencional e a explicação para essa diferença não se limita em apenas uma questão. Além da consistência e sabor divergentes, o gelato é mais saudável que o sorvete. Isto deve-se ao modo como esses lanches são preparados, incluindo os ingredientes e a quantidade de cada um.

Entenda porque o gelato é mais saudável que sorvete

Gelato X Sorvete: quais as diferenças nutricionais? Tanto o gelato como o sorvete possuem em suas composições açúcar, água, leite e o sabor desejado. Todavia, no caso do gelato há um equilíbrio maior na proporção açúcar e água, o que faz deste produto menos açucarado que o sorvete.


Outra diferenciação entre esses itens é com relação ao sabor, pois enquanto o primeiro recebe ingredientes “in natura”, o segundo possui em sua composição polpas artificiais. A cremosidade natural do gelato é outro ponto a ser levantado nesta discussão, pois este lanche possui menos ar que o sorvete e, consequentemente, tem uma textura mais leve. Também devido a textura, o gelato é servido em temperaturas mais elevadas, promovendo suavidade no momento da degustação, uma vez que o sabor fica mais acentuado do que o gelo agressivo. Além destas discrepâncias, existem ainda duas questões importantes neste embate. Isto porque, ao contrário do sorvete, o gelato não leva em sua composição corantes artificiais, conservantes e aromatizantes. Assim, todas os aspectos visuais, gustativos e olfativos deste produto advém de seus ingredientes naturais. Já com relação a gordura, o sorvete possui de 50% a 60% a mais que o gelato, o que faz este último ser mais saudável. Cuidado com os excessos Apesar de ser mais nutritivo, saudável e menos industrializado, o gelato pode engordar ou fazer mal para a saúde se for consumido sem precaução. Assim como o sorvete e qualquer outro alimento, o gelato também deve ser ingerido com moderação. Por esta razão, é indicado o consumo de uma porção diária, pois dependendo do sabor, o gelato pode ter até 125 calorias.

 
Conheça os diversos benefícios da água gelada! PDF Imprimir E-mail
Publicado por: : Rosiane Souza   
Sáb, 03 de Setembro de 2016 09:15

Tudo bem, quando você estiver com a garganta inflamada, resfriado ou sinusite, a água gelada não é recomendável. Mas para além disso, esse líquido em baixas temperaturas é considerado um santo remédio! Seja para cuidar da pele do rosto ou para tratar camadas profundas de celulite, a água gelada tem aplicações variadas e super confiáveis.

agua gelada

Beber água gelada emagrece!

A água em baixa temperatura precisa ser aquecida pelo organismo quando entra em contato com as vísceras. Como nossa temperatura interna é de 37ºC, o corpo gasta mais calorias para equilibrar a temperatura. Isso acelera o metabolismo, o que ajuda no emagrecimento.

 
Cientistas estudam possível ação da vitamina C na terapia de depressão PDF Imprimir E-mail
Publicado por: : Rosiane Souza   
Qui, 01 de Setembro de 2016 08:40

Ácido ascórbico, como é chamada, também atua como neuromodulador.

Em bichos, combinação com antidepressivos potencializou tratamento.

Até as cascas da laranja podem ser aproveitadas (Foto: Reprodução/RBS TV)

Laranjas são fonte de vitamina C (Foto: Reprodução/RBS TV) Uma molécula simples e muito bem conhecida pela população é vista como esperança de evolução no tratamento de transtornos depressivos. O uso do ácido ascórbico, mais conhecido como vitamina C, em modelos de depressão em animais tem sido estudado há quase 10 anos por um grupo de pesquisadores da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC). Experimentos do grupo já demonstraram que o uso de ácido ascórbico em associação a três antidepressivos disponíveis – fluoxetina, imipramina e bupropiona – potencializou o efeito dos medicamentos em camundongos com sintomas de depressão. E mesmo a administração desses antidepressivos em doses menores do que seriam efetivas conseguiu reduzir os sintomas dos animais quando em associação com o ácido ascórbico. “Os antidepressivos têm muitos efeitos adversos, que são inclusive motivo de abandono do tratamento. Se conseguirmos baixar essa dose ao associá-los com um agente sem efeitos colaterais, teria talvez uma estratégia terapêutica muito promissora no tratamento da depressão”, diz a pesquisadora Ana Lúcia Severo Rodrigues, que apresentou os resultados que seu grupo tem obtido nos últimos anos na 31ª Reunião Anual da Federação de Sociedades de Biologia Experimental (FeSBE), nesta quarta-feira (31), em Foz do Iguaçu.

 
Abacaxi é ótima opção para melhorar o funcionamento do intestino PDF Imprimir E-mail
Publicado por: : Rosiane Souza   
Qua, 24 de Agosto de 2016 09:48

Especialista lista benefícios da fruta que, além de deliciosa, é saudável

Fruta é saborosa e faz bem à saúde

Você gosta de abacaxi? Se sim, saiba que a fruta, além de deliciosa, tem nutrientes importantíssimos para a saúde. Então, ela é uma ótima opção no cardápio. A nutricionista do hospital San Paolo Flavia Salvitti listou alguns benefícios e curiosidades sobre a fruta.Veja a seguir!

Vitaminas e minerais
Segundo a especialista, o abacaxi é rico em vitamina C, água (quase 90%) e fibras, que contribuem para o bom funcionamento do intestino. “Ele também oferece ao organismo o complexo B, potássio e alguns estudos indicam ainda a presença de cálcio”.

Ajuda na digestão Facilita a digestão de proteínas. "A acidez da fruta, somada à acidez do estômago, aumenta a capacidade de digerir esse tipo de alimento”, explica. Tem baixo teor calórico E para quem é ligado em dietas, Flavia dá uma boa notícia: “O abacaxi tem baixo valor calórico. Uma fatia grande contém em média 40 calorias. Recomenda-se consumir até cinco porções de fruta ao dia, mas o ideal é equilibrar a quantidade de abacaxi com outros alimentos, como banana, laranja e maçã”. Cuidado para armazenar Enquanto o abacaxi estiver com casca, deve ser mantido em local fresco e arejado. “Depois de cortado, recomenda-se consumir na primeira hora para aproveitar as propriedades nutricionais. Caso não seja possível, guarde a fruta na geladeira e consuma em até 24 horas”, ensina a nutricionista. Quem não deve consumir “O abacaxi não é indicado para quem sofre de gastrite, refluxo gastresofágico, úlcera e ferimentos na boca, pois a acidez da fruta causa grande desconforto”, diz. Receita Flavia ensina uma receita simples e rápida: “Grelhe o abacaxi com um pouco de canela e mel e, assim, terá uma sobremesa deliciosa e de baixa caloria”.

 
Benefícios do Vinagre: vinagre faz bem à saúde PDF Imprimir E-mail
Publicado por: : Rosiane Souza   
Seg, 22 de Agosto de 2016 11:04

Neste post você verá benefícios do vinagre. É, vinagre faz bem


à saúde. Veja benefícios de vários tipos de vinagre. Boa leitura!


Nas saladas ele reina em absoluto em algumas


famílias, já outras o repelem achando que comer salada com limão é mais saudável e natural. Mas isso não é tão verdade assim. Ao descobrir os benefícios do vinagre você verá que


comer salada com limão é mais saudável e


natural. Mas isso não é tão verdade assim. Ao



descobrir os benefícios do vinagre você verá



que o vinagre faz bem à saúde e se surpreenderá com tantos benefícios do vinagre.


Leia também: O vinagre e a água-viva. Dentre os vários tipos de vinagres, há muitos deles feitos a partir de frutas, sendo o mais conhecido o vinagre de maçã que é - sem dúvida - o mais benéfico. Vamos ver as suas propriedades.


Benefícios do Vinagre: vinagre faz bem à saúde

Benefícios do Vinagre: vinagre faz bem à saúde / foto: pruzi


- BENEFÍCIOS DO VINAGRE DE MAÇÃ


1. O vinagre de maçã reduz o colesterol ruim do sangue É rico em pectina (presente na maçã), fibra solúvel* que tem o poder de diminuir o colesterol Recupera as enzimas digestivas. Nesse caso sua ação no fígado promoveria a desintoxicação do corpo e ajudaria na digestão de alimentos gordurosos.

2. O vinagre de maçã é bom para obesidade Diminuindo a glicemia no sangue e tem pouquíssimas calorias e não tem sódio. Pode-se perder entre 4 e 8 kg por mês. O aconselhável é que se ingira 2 colheres de sopa 3 vezes ao dia, em saladas ou diluídas em 1 copo de água.

 
O que comemos pode afetar nossa fertilidade? PDF Imprimir E-mail
Publicado por: : Rosiane Souza   
Seg, 22 de Agosto de 2016 09:29

Especialistas analisam se 'alimentos afrodisíacos', soja ou suplementos podem ajudar ou atrapalhar uma gravidez

Estudos apontam que cerca de 12% das mulheres entre 15 e 44 anos têm dificuldades para engravidar ou para concluir uma gestação

Muitos acreditam nos poderes de certos alimentos que vão além da nutrição. "Soja ajuda as mulheres a ter mais óvulos", alega um comerciante chinês em um mercado de rua. As conexões entre o que comemos e nossa capacidade de gerar vida têm sido fonte de folclore, religião e medicina há milhares de anos, intrigando pessoas que pretendem ter um filho. Estatísticas do Centro de Controle e Prevenção de Doenças dos Estados Unidos (CDC, na sigla em inglês) mostram que cerca de 12% das mulheres entre 15 e 44 anos têm dificuldades para engravidar ou para concluir uma gestação, mas é difícil conseguir dados globais confiáveis sobre o tema. Sendo assim, até que ponto a alimentação pode ajudar ou aumentar a fertilidade? O programa Food Chain ("Cadeia Alimentar", em tradução livre), da BBC, consultou vários especialistas a respeito. Confira o que eles disseram.


Abundância


Em vários períodos históricos, é possível observar a ligação entre abundância e fertilidade. No fim da 2ª Guerra Mundial, por exemplo, a taxa de natalidade aumentou para mais de 39% em países como a Inglaterra no intervalo de apenas dois anos. Uma das explicações é que o número de casamentos também cresceu muito. Mas muito do aumento populacional pode ser explicado pela mudança da quantidade ─ ou tipo ─ de comida disponível. A transição demográfica ocorrida no período Neolítico aconteceu há 10 mil anos e é um exemplo disso. "A importância do milho nas dietas começou por volta de 300 a.C. e as taxas de natalidade foram subindo em paralelo", disse Tim Kohler, professor de Antropologia da Universidade Estadual de Washington, nos Estados Unidos. "O aumento na quantidade de carboidratos nas dietas teve como resultado a melhora no equilíbrio de energia para mulheres. Elas provavelmente puderam ovular com mais frequência e então as taxas de natalidade aumentaram naquelas circunstâncias."

 
« InícioAnterior12345678910PróximoFim »

Página 6 de 45

Receba novidades do Portal Dystacks diretamente no seu e-mail, Assine já!

... PUBLICIDADE

itumbiara_go

... Total / Visitas

mod_vvisit_countermod_vvisit_countermod_vvisit_countermod_vvisit_countermod_vvisit_countermod_vvisit_countermod_vvisit_countermod_vvisit_counter
mod_vvisit_counterHoje1625
mod_vvisit_counterOntem1963
mod_vvisit_counterEsta semana6174
mod_vvisit_counterSemana passada16932
mod_vvisit_counterEste mês59531
mod_vvisit_counterMês passada96188
mod_vvisit_counterTodos os dias19918679

Temos: 2 bots online
O seu IP: 54.162.164.247
 , 
Hoje: 25 Jul, 2017
Contador de visitantes

... Total / Membros

  • 3338 membro(s) registrado(s)
  • 0 hoje




2016 © Dystacks.com.br - Todos os direitos reservados.